Noticias do Brasil e do mundo atualizadas. Não saia de casa sem mexer no caldeirão
Home - Acidentes - Animais - BBB - Beleza - Bizarrices - Caldeirão Reporter - Carros e Motos - Casos de Polícia -Ciência Comportamento - Comidas e Bebidas - Curiosidades -Diabetes ,Dietas - Disfunção Erétil - Esportes - Fofocas da TV - Fotos - Hipertensão - Humor -Internacionais - Medicina Chinesa - Mensagens - Mensalão - Mulher - Plantas Medicinais - Política - Reiki - Relacionamentos - Saúde - Simpatias - Terapias alternativas - Terceira Idade



AVISO:
Informamos a nossos visitantes que todo conteúdo deste blog foi migrado para o endereço abaixo:

http://caldeiraodosevero.blogspot.com.br/

Dentro de poucos dias esse endereço:caldeiraodosevero.com, deixará de funcionar.







Para continuar lendo a notícia clique em: Read the rest of this entry » no final de cada artigo.




AVISO:
Informamos a nossos visitantes que todo conteúdo deste blog foi migrado para o endereço abaixo:

http://caldeiraodosevero.blogspot.com.br/

Dentro de poucos dias esse endereço: caldeiraodosevero.com, deixará de funcionar.

segunda-feira

Cadela segue dono preso e espera há mais de 12 horas em delegacia no ES

Segundo delegado, dono foi transferido sem que o animal percebesse.
Policiais entraram em contato com família, mas ninguém foi buscá-la.

Cadela já espera por dono há mais de 12 horas (Foto: Reprodução/ TV Gazeta)

Uma cadela está despertando a curiosidade de quem trabalha no Departamento de Polícia Judiciária (DPJ) de Vitória. O animal, que ganhou o apelido de Filhinha, está há mais de 12 horas na frente da delegacia, a espera do dono que foi preso por furto neste domingo (6). Para chegar no local, ela teria seguido o carro de polícia por aproximadamente cinco quilômetros. O detido já foi transferido para o Centro de Triagem de Viana, mas a cadela continuava aguardando o reencontro na manhã desta segunda-feira (7).

A cadela começou a seguir o carro no bairro Jardim da Penha na capital, onde o dono furtou o carrinho de uma obra. Ela passou pela Avenida Fernando Ferrari, pela Ponte da Passagem, cruzou a Avenida Leitão da Silva e parte da Avenida Vitória até chegar ao DPJ. Os policiais já deram comida e água, e avisaram à família do detido sobre o animal, mas ninguém demonstrou interesse em buscar Filhinha.

Cadela foi apelidada de Filhinha (Foto: Reprodução/ TV Gazeta)

O delegado Leonardo Ávila explicou que a transferência do preso precisou ser feita de forma que a cadela não percebesse. “Assumi o plantão neste domingo às 19h e o animal já estava na porta do DPJ. Ele veio seguindo o dono, que foi preso. O detido já foi transferido, mas o animal permanece aguardando a saída dele. Quando houve essa transferência, a viatura foi colocada dentro da garagem para que o cachorro não percebesse a saída do dono, o que poderia gerar um transtorno”, disse.

De acordo com os policiais, o animal aparenta estar cansado e com medo, mas ainda assim aguarda o retorno do dono. Para o delegado, esse é um exemplo de fidelidade. “A gente vê como é a fidelidade do animal, ao contrário de muitos seres humanos. Isso serve de lição para muita gente”, falou.

Segundo policiais, cadela está cansada e com medo, mas já foi alimentada (Foto: Reprodução/ TV Gazeta)

Fidelidade animal em filme
O filme “Sempre a seu lado” conta uma história que também retrata um exemplo de fidelidade de um cachorro. Baseado em uma história real, o longa mostra a amizade de um professor universitário e um cachorro da raça akita, conhecido por sua lealdade.

Com o passar do tempo, o cão cria o hábito de acompanhar o dono até a estação de trem e retornar assim que ouvisse o barulho do transporte retornando. Só que durante uma aula, o dono passa mal e morre. O cachorro fica na estação de trem esperando o professor voltar por 10 anos.

fonte:http://g1.globo.com/espirito-santo/noticia/2013/10/cadela-segue-dono-preso-e-espera-ha-mais-de-12-horas-em-delegacia-no-es.html
André Falcão Do G1 ES, com informações da TV Gazeta
Este site não produz e não tem fins lucrativos sobre qualquer uma das informações nele publicadas, funcionando apenas como mecanismo automático que "ecoa" notícias já existentes. Não nos responsabilizamos por qualquer texto aqui veiculado.
Faça sua pesquisa
http://www.facebook.com/profile.php?id=100001544474142

Carro funerário capota e PRF encontra 380 kg de maconha em MT

Um carro identificado como veículo funerário saiu da pista e capotou na madrugada desta segunda-feira, na BR-364, em Diamantino (MT), 190 quilômetros ao norte de Cuiabá. O motorista sofreu ferimentos graves e entrou em coma, segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF). Dentro do carro, os agentes encontraram cerca de 380 quilos de maconha.

O veículo, um Palio Weekend, estava cheio de pacotes de maconha e viajava pela rodovia no sentido de Cuiabá ao norte do Estado. Por volta das 3h20, o motorista perdeu o controle da direção e capotou na altura do km 592.

O homem, que não carregava documentos, foi levado ao pronto-atendimento de Diamantino. Em seguida, ele foi transferido para Cuiabá, mas a Polícia Civil não confirmou o nome do hospital para onde ele foi levado.

A PRF apreendeu a droga e levou os pacotes à Delegacia de Polícia Judiciária da cidade, assim como o veículo. O carro tinha placas adulteradas, e a Polícia Civil fará perícia para determinar onde ele foi roubado.

fonte:http://www.jb.com.br/pais/noticias/2013/10/07/carro-funerario-capota-e-prf-encontra-380-kg-de-maconha-em-mt/
Este site não produz e não tem fins lucrativos sobre qualquer uma das informações nele publicadas, funcionando apenas como mecanismo automático que "ecoa" notícias já existentes. Não nos responsabilizamos por qualquer texto aqui veiculado.
Faça sua pesquisa
http://www.facebook.com/profile.php?id=100001544474142

Pai abandona emprego para achar cura de doença rara dos filhos

Britânico disse ter conseguido desenvolver com cientistas tratamento para alcaptonúria, que escurece urina e compromete coração, olhos e rins.


Nick Sireau, de 40 anos, tem dois filhos com uma doença chamada alcaptonúria (Foto: AKU Society)

Um pai que abandonou o emprego há três anos para tentar achar a cura para a rara doença que afeta seus dois filhos disse ter descoberto – junto com cientistas – uma forma de tratamento.

O britânico Nick Sireau, de 40 anos, recebeu o diagnóstico de que seus filhos Julien e Daniel sofrem de alcaptonúria há 12 anos, quando eles ainda eram bebês. A doença é rara e afeta apenas 60 pessoas na Grã-Bretanha.

Sireau abandonou o emprego como diretor de uma instituição de caridade – voltada a ajudar pessoas na África – para pesquisar formas de curar as crianças. Ao trabalhar com especialistas em medicina, ele descobriu que uma substância conhecida como nitisinona é "bastante eficiente" no tratamento.

O sintoma mais óbvio da alcaptonúria é urina escura. Com o tempo, os ossos também ficam com coloração escura. Em seguida, diversos órgãos têm seu funcionamento comprometido, como coração, olhos e rins.

"Quando recebemos o diagnóstico, os médicos nos disseram que não havia tratamento para a doença. Eles recomendaram que fôssemos para casa e tentássemos não pensar muito no assunto", contou Sireau à BBC.

"Obviamente, não foi isso que fizemos. Fomos para casa e pensamos no que poderíamos fazer a respeito."

Sireau conta que, junto com sua mulher, ele passou a colaborar com o professor Lakshminarayan Ranganath e o paciente Robert Gregory, ambos do Royal Liverpool University Hospital, para pesquisar a doença.

Por anos, o britânico conciliou as pesquisas com seu trabalho à frente da instituição de caridade. No entanto, em 2010 ele resolveu abandonar o emprego e se dedicar integralmente à pesquisa e à arrecadação de fundos para sua causa.

Sireau conta que os pesquisadores suspeitavam que a nitisinona poderia ser eficaz no tratamento da alcaptonúria, mas que o desafio era fazer testes em um número suficiente de indivíduos para comprovar que existe de fato relevância estatística nessa hipótese.

Ácido em excesso
A doença faz com que o corpo acumule uma substância conhecida como ácido homogentísico, em níveis até 2 mil vezes superiores ao normal. Esse ácido em excesso escurece os ossos e afeta os funcionamento dos órgãos.

A nitisinona, por sua vez, impede o acúmulo do ácido. Quanto mais cedo a substância é usada após a detecção da doença, mais eficiente é o tratamento, diz Sireau.


fonte:http://g1.globo.com/ciencia-e-saude/noticia/2013/10/pai-abandona-emprego-para-achar-cura-de-doenca-rara-dos-filhos.html
Este site não produz e não tem fins lucrativos sobre qualquer uma das informações nele publicadas, funcionando apenas como mecanismo automático que "ecoa" notícias já existentes. Não nos responsabilizamos por qualquer texto aqui veiculado.
Faça sua pesquisa
http://www.facebook.com/profile.php?id=100001544474142

Quatro pessoas morrem em acidente na Régis Bittencourt, em Registro, SP

Carro bateu em um caminhão que estava no acostamento.
Uma criança de 9 anos foi socorrida e levada para o PS da cidade.

Quatro pessoas morreram em um acidente, na manhã desta segunda-feira (7), na rodovia Régis Bittencourt, na altura da cidade de Registro, na região do Vale do Ribeira, no interior de São Paulo. O acidente envolveu um carro e um caminhão que seguiam para São Paulo.

O acidente aconteceu no km 434 da Régis Bittencourt. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF) um caminhão sofreu uma pane e o motorista parou no acostamento para verificar o problema, Em seguida, um carro de passeio bateu em sua traseira.

Dois homens e duas mulheres morreram no acidente. Além dos quatro adultos, uma criança de 9 anos que estava no carro ficou ferida e foi levada para o Pronto Socorro Central de Registro com estado de saúde estável. O carro seguia para São Paulo tinha a placa de Embu das Artes. O motorista do caminhão não ficou ferido.

fonte:http://g1.globo.com/sp/santos-regiao/noticia/2013/10/quatro-pessoas-morrem-em-acidente-na-regis-bittencourt-em-registro-sp.html
Este site não produz e não tem fins lucrativos sobre qualquer uma das informações nele publicadas, funcionando apenas como mecanismo automático que "ecoa" notícias já existentes. Não nos responsabilizamos por qualquer texto aqui veiculado.
Faça sua pesquisa
http://www.facebook.com/profile.php?id=100001544474142

'Judiaram bastante', diz testemunha sobre policial morto em baile funk

Ela contou detalhes do crime e relevou que havia tráfico de drogas no local.
Corpo foi queimado e parentes farão exame de DNA para reconhecer.

O corpo do policial militar Leandro do Nascimento Carvalho, que foi assassinado em um baile funk, na madrugada do último sábado (5), em São Vicente, no litoral de São Paulo, ainda não foi identificado. Uma testemunha contou detalhes do crime e relevou que havia tráfico de drogas no baile.

Uma pessoa que estava no baile funk e que fez algumas imagens do rapaz baleado conta como foi o crime. "Tinha bastante gente aglomerada em cima de uma pessoa só. E outras em cima de outra pessoa que estava no chão. E a que estava no chão estava baleada e a outra estava sentada, com muitas pessoas em cima. O que estava no chão, tava com um tiro no pescoço, na artéria, estava sangrando muito. E nisso veio outro cara e tentou efetuar disparos, quatro disparos, só que falhou a arma, travou a arma umas quatro vezes e um monte de gente falando que não era polícia", diz a testemunha que ainda disse que os traficantes são responsáveis pela morte do policial. "O que morreu levou bastante tiro no rosto, pedradas, chutes, judiaram bastante, deram bastante tiro. Foram os próprios meninos que traficam, 20 pessoas vendendo drogas. E é muita gritaria para vender droga, muita gente menor de idade usando drogas, criança usando droga", afirma a testemunha.

Policial foi morto em baile funk em São Vicente (Foto: Reprodução / Facebook)

O corpo do policial continua no Instituto Médico Legal (IML) de Santos e ainda não foi identificado porque o estado de decomposição está avançado. Os parentes do PM devem coletar material, nesta segunda-feira (7), para realizar um exame de DNA em São Paulo. Segundo informações da Polícia Militar e de testemunhas, o corpo deve ser do policial militar. Já o ex-sargento da Aeronáutica Denis dos Santos Pedroso, que foi baleado no pescoço, segue internado em estado grave na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do hospital Ana Costa, em Santos.

O caso
O policial Leandro do Nascimento Carvalho foi morto, na madrugada do último sábado (5), em um baile funk na comunidade do Sambaiatuba, em São Vicente, no litoral de São Paulo.

Segundo testemunhas, ele foi descoberto por traficantes da região, que executaram o militar com vários tiros, além de pedradas e chutes. Após o crime, os bandidos esquartejaram e atearam fogo no corpo.

Outro rapaz, o ex-sargento da Aeronáutica Denis dos Santos Pedroso, foi baleado com um tiro na nuca e está internado em estado grave. Um terceiro homem que estaria com a dupla, um guarda civil municipal, conseguiu fugir.

Os investigadores encontraram um galão vazio dentro de um carro que teria sido utilizado pelos traficantes que assassinaram e queimaram o corpo do policial.

O caso está sendo investigado no 2º Distrito Policial de São Vicente. Além disso, a polícia ainda informou que irá apurar as denúncias sobre venda e consumo de grandes quantidades de droga durante a festa.

fonte:http://g1.globo.com/sp/santos-regiao/noticia/2013/10/judiaram-bastante-diz-testemunha-sobre-policial-morto-em-baile-funk.html
Este site não produz e não tem fins lucrativos sobre qualquer uma das informações nele publicadas, funcionando apenas como mecanismo automático que "ecoa" notícias já existentes. Não nos responsabilizamos por qualquer texto aqui veiculado.
Faça sua pesquisa
http://www.facebook.com/profile.php?id=100001544474142

Tiros matam garota de seis anos e deixam cinco feridos em Salvador

Sobrinha de Léo Kret morreu com disparo na região do tórax.
Outra sobrinha da ex-vereadora e dançarina ficou ferida, mas passa bem.

Léo Kret falou sobre crime em rede social (Foto: Reprodução/ Instragram)

Uma sobrinha de Léo Kret, ex-vereadora de Salvador e dançarina, foi morta após ser atingida por um disparo de arma de fogo na noite de domingo (6), no Alto do Cruzeiro. Uma outra sobrinha de Léo Kret também foi baleada, atingida na perna, mas já teve alta médica e passa bem.

Segundo o posto policial localizado no Hospital Geral do Estado (HGE), cinco pessoas deram entrada na unidade de saúde na noite de domingo com ferimentos em decorrência dos disparos realizados na região.

Em entrevista ao G1 nesta segunda-feira (7), Léo Kret contou que o crime ocorreu por volta das 19h. "A gente mora em cima de um bar, que é de meu pai. Eu tinha acabado de sair e deixei todo mundo aqui. O povo começou a dançar na rua, quando apareceu um rapaz, ninguém sabe quem foi, atirando para todo lado", afirma.
saiba mais

Suspeito de participação em morte de pai e filho, de 8 meses, é preso

Segundo a dançarina, nenhuma briga ocorreu no local para motivar os disparos. A suspeita é de que o alvo fosse alguém envolvido com drogas. "A gente acredita que pessoas de algum grupo rival participassem da festa, provavelmente com envolvimento com droga", diz.

O corpo da garota de apenas seis anos permanecia no Instituto Médico Legal (IML) na manhã desta segunda-feira. Léo Kret não soube informar o horário nem o local do sepultamento da criança.

"Está todo mundo triste, a gente já fica triste quando acontece com outras pessoas, com nossa família a gente sente uma dor muito grande. Ficamos até com desgosto do mundo que a gente vive, sem esperança nenhuma", desabafa.

Léo Kret também falou sobre o crime em uma rede social. "Luto eterno, vai com Deus Franciele, minha linda sobrinha, tinha 6 aninhos. Deus conforte toda nossa família. Franciele vai sempre estar no meu coração . Até quando essa violência vai continuar, atingindo inocentes. Minha outra sobrinha, de 14 anos, Vânia, tomou um tiro na perna e mais cinco pessoas inocentes foram atingidas. Até quando essa violência vai continuar destruindo famílias, atingindo inocentes. Vamos esperar a justiça de Deus".

O caso está sendo investigado pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

fonte:http://g1.globo.com/bahia/noticia/2013/10/sobrinha-de-leo-kret-com-seis-anos-e-morta-baleada-em-salvador.html
Este site não produz e não tem fins lucrativos sobre qualquer uma das informações nele publicadas, funcionando apenas como mecanismo automático que "ecoa" notícias já existentes. Não nos responsabilizamos por qualquer texto aqui veiculado.
Faça sua pesquisa
http://www.facebook.com/profile.php?id=100001544474142

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Total de visualizações de página